Política Distrital de Saúde Bucal é aprovada e reforça o compromisso com a odontologia no DF

494

Um novo marco na odontologia pública do Distrito Federal é celebrado com a aprovação unânime, pelo pleno do Conselho de Saúde, da Política Distrital de Saúde Bucal (PDSB). Este passo crucial consolida o compromisso com uma assistência odontológica abrangente e acessível, integrando-a às políticas de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS).

“A Política Distrital de Saúde Bucal é um marco na odontologia pública do Distrito Federal, uma vez que garante a assistência odontológica como parte da assistência à saúde como um todo. É por meio da Política que estará assegurada a prestação da assistência odontológica nos 3 níveis assistenciais: Na Atenção Primária à Saúde, por meio das equipes de Saúde Bucal das Unidades Básicas de Saúde (UBSs), na Atenção Secundária Ambulatorial, por meio dos Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) e na Atenção Terciária Hospitalar nos Centros Cirúrgicos de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofaciais e atendimento de pessoas com deficiência com necessidade de sedação/anestesia geral, atendimento beira-leito em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e enfermarias, nos Prontos Socorros Odontológicos dos Hospitais Regionais, além da assistência odontológica domiciliar aos pacientes acompanhados pelos Núcleos Regionais de Atenção Domiciliar (NRADs). Garante-se também a realização de exames de imagem, por meio dos Serviços de Radiologia e Imaginologia Odontológica.”, explicou Alessandra Fernandes de Castro, Cirurgiã-Dentista (referência técnica distrital em Saúde Bucal).

A PDSB surge como resultado de um esforço colaborativo entre a comunidade odontológica e representantes da saúde. A Secretária de Saúde, Dra. Lucilene Florêncio, juntamente com a Gerência de Serviços de Odontologia, ratificou esse instrumento essencial. A PDSB apresenta as diretrizes para a organização da atenção em saúde bucal no DF, com foco na estruturação de pontos de atenção, tendo os conceitos de resolutividade e integralidade como eixos de orientação.

“A Política Distrital de Saúde Bucal (PDSB) foi aprovada pelo pleno do Conselho de Saúde, com a presença da Secretária de Saúde, Dra. Lucilene Florêncio, da Gerência de Serviços de Odontologia e conselheiros do Conselho de Saúde do DF. Entende-se, portanto, que a saúde bucal é parte integrante da saúde geral do indivíduo e direito de todos.”, concluiu *Francielle Gonçalves, gerente de serviços de odontologia.

Wendel Teixeira Santos, Presidente do Sindicato dos Odontologistas do DF, acrescentou: “Em nome do Sindicato dos Odontologistas do DF, quero parabenizar a Gerência de Serviços de Odontologia e o Conselho de Saúde do Distrito Federal pela construção da política de saúde bucal do DF. Essa conquista é fruto de esforços colaborativos e representa um passo significativo em direção a uma assistência odontológica mais abrangente e acessível para todos os cidadãos. Continuaremos trabalhando juntos para o crescimento da saúde bucal do DF.”

Com a aprovação da PDSB, o Distrito Federal avança em sua missão de oferecer cuidados odontológicos de qualidade, unindo esforços para que a saúde bucal seja um pilar inegociável na jornada rumo ao bem-estar geral da população.