Delta avança no DF e representa 82% das amostras analisadas; são 336 casos

283

Das 116 novas amostras analisadas pelo Lacen-DF sobre quais variantes da Covid-19 circulam pela capital, 82% dos resultados apontaram para a variante Delta. O dados mostram um avanço na transmissão comunitária, segundo a Secretaria de Saúde. Totalizando são 336 casos da cepa indiana somente no Distrito Federal.

“Das 116 amostras, 95 foram da variante Delta e 21 para a Gama. O número de óbitos continua ainda o mesmo. São 5 de moradores do DF e um de Goiás”, comenta Fabiano dos Anjos, diretor da vigilância epidemiológica.
A informação foi passada na coletiva de imprensa realizada na Secretária de Saúde nesta quinta-feira (9/9).
O último resultado apontava 66% de variante Delta. A variante é de 5 a 6 vezes mais transmissível do que as outras cepas.

Mais de 33 mil pessoas tomaram a 2ª dose no primeiro dia

No primeiro dia da antecipação das vacinas Pfizer-BioNTech e AstraZeneca para quem tem a segunda dose marcada no cartão de vacina até o dia 24 de setembro, 33.622 pessoas completaram o ciclo vacinal. Para ser imunizado, basta procurar a unidade de saúde mais próxima que ofereça os imunizantes, levando documento de identidade com foto e cartão de vacina. Ainda nessa quarta-feira (8/9), outras 1.464 pessoas receberam a primeira dose e 424 a dose única.
A antecipação da segunda dose foi anunciada pelo secretário de Saúde, general Pafiadache, em coletiva de imprensa na última segunda-feira (6/9). Prevendo um aumento na procura por vacinas a partir do anúncio, os pontos de vacinação se prepararam para atender a demanda. De acordo com o gerente substituto da UBS 2 do Cruzeiro Velho, Leandro Silva, a expectativa era de receber cerca de mil pessoas nessa quarta. O imunizante ofertado para segunda dose no local é o da Pfizer.
Os pontos de vacinação de primeira e segunda doses podem ser consultados no site da Secretaria de Saúde.