Secretário de Saúde do DF apresenta o Relatório de Atividades Quadrimestral (RAQ) de 2018 na CLDF

128
Jeovânia Rodrigues e Ricardo Fabris Paulin

Em audiência pública da Comissão de Fiscalização, Governança, Transparência e Controle, na última semana, o Secretário de Saúde, Osnei Okumoto, apresentou o Relatório de Atividades Quadrimestral (RAQ) de 2018 e anunciou a intenção de construir novas unidades de saúde.
Na ocasião, o Secretário respondeu aos questionamentos do colegiado e de participantes da audiência, que reuniu lideranças sindicais, conselheiros e profissionais de saúde no plenário da CLDF. Durante a audiência Osnei reforçou o desejo de fortalecimento e expansão da atenção primária e afirmou que vai intensificar ações contra a dengue. “É necessário expandir e fortalecer a atenção primária. Queremos aumentar para 75% a cobertura da Estratégia Saúde da Família e, para isso, precisamos de mais equipes”, ressalta Okumoto.
Em pronunciamento, a presidente do SODF fez considerações sobre o relatório. Para Jeovânia Rodrigues, é importante considerar que embora a atual gestão esteja apresentando este RAQ ele refere-se ao último quadrimestre da gestão anterior. Em relação ao que foi apresentado para a Saúde Bucal aponta que a meta superada da cobertura populacional, com 32%, ainda está aquém do esperado. Contudo deve-se buscar a continuidade das políticas de saúde quando são observados avanços, mesmo que discretos, e recomenda à nova gestão que não despreze as eventuais melhorias alcançadas na gestão anterior, especialmente no que diz respeito aos indicadores de gestão. Na oportunidade a presidente destacou que o controle social é o caminho para construir melhorias na saúde, particularmente neste momento em que ocorrem as conferências de saúde.
Entre os pontos críticos a serem melhorados para o exercício de 2019 a representante da entidade ressaltou que o mais urgente é o aumento dos recursos orçamentários previstos para a saúde, seja através de emendas parlamentares, seja na melhoria da execução dos recursos federais.